BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Saudades do meu Passado!!!


Recordando da minha infância, lembro dos meus amigos que estudaram comigo no meu primário, da minha professora insuportável que me colocava sempre de castigo e não dava a estrelinha da semana, da minha primeira paixão (Aymone, comprava sempre balas para dar para ele), até mesmo do meu uniforme, uma sainha de pregas azul, camiseta da escola, meios brancas (que sempre uma meia estava mais curta da outra).
Das festinhas na escola, que meu pai comprava todas as rifas que eu tinha que vender, para ganhar o prêmio.

Dos almoços de domingo, com a minha avó fazendo pulenta,de avental e quando almoçava,gostava de ficar falando ou brigando que voava arroz para tudo era lado. Das tardes que brincava de professora com meu avô.
Saudade do tempo perdido, das lágrimas não derramadas, sente umas enormes saudades do meu passado feliz.

Ah!!! Como tenho saudades das nossas viagens para praia, do que nós aprontamos... Do dia que perdi o chinelo da Jú,pois,resolvi colocar.Mas só tinha um pequeno problema,a jú calça 35 e eu 37.Das nossas noites ,quando saiamos aqui em São Paulo (eu,a jú,a Di, a Mel e a Déa).E na volta era uma festa para comentar sobre a noite,os micos e a investidas....Como era divertido,sempre acontecia algo absurdo,que só poderia acontecer com a gente mesmo.

Saudades do pessoal do Mackenzie,quando chegávamos nós encontrávamos num banquinho,ficavam a turma toda lá conversando, combinando alguma coisa...Das noites que íamos jogar king na casa do carioca...Nossa,como era longe,ele se escondia....Das nossas viagens,baladas,das noite nos barzinhos com a Carlinha e com a Jú.

De quando conheci o Bob, achei a pessoa mais insuportável do mundo, que a cada dia foi me conquistando e completando o que sentia falta. Das surpresas que ele fazia para mim,das nossas risadas,dos momentos que não estávamos juntos que parecia uma eternidade.

Saudades do meu pai que me ligava todos os dias para dar bom dia e quando não tinha nada para falar, ligava só para ouvir a minha voz.

Saudades do dia do nascimento das minhas filhas Sophia e Livia, que foi o dia mais feliz da minha vida... Saudades dos primeiros sorrisos delas,quando falaram mamãe pela primeira vez..

Infelizmente nunca vamos compreender e nem definir, exatamente a palavra saudades...
Mas acho que deveria ter amado mais, falado menos... Por isto que terei saudades das minhas falhas,da minha fragilidade,do que tudo que fiz e de tudo que não fiz...

A Saudade é silenciosa, eterna e inevitável. Infeliz da pessoa que não sente saudades,é porque não viveu,não amou....E nunca terá uma história para contar.....

Postado por Gabriela

2 comentários:

Andréa disse...

Ai, Gabi...
que coisa mais linda!!
Tb sinto saudades de muita coisa.
Acho mesmo que a época que vivíamos grudadas foi uma das melhores fases da minha vida.
Sinto muita falta do aconchego das minhas amigas, da "quase" falta de responsabilidades.
O nosso único propósito era ser feliz.
Mas será que a vida que levamos agora - mais recentemente - tb não deixará saudades num futuro qualquer?
Acho que sim.
Amiga linda, obrigada por existir, viu?
AMOLHES!!
Bjão,
Déa

Evelyn disse...

Só tenho uma coisa à dizer:
"Recordar é viver!"

É bom sentir saudades, não é mesmo?

Beijos,
Evy