BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Procura-se minha Autoestima

Casei grávida da Sophia, minha primeira filha. Naquele momento cheio de novidades ainda não sabia o que me esperava. Quando a ficha caiu, eu percebi que teria que cuidar da casa toda, lavar roupa, passar roupa, limpar tudo e ainda cuidar da Sophia. Detalhe: sem a minha mãe por perto (que naquela época ainda morava bem longe de mim).
“Socorro!!!!!!!!!! O que faço primeiro?”, pensei.


Na ansiedade de fazer tudo e acertar, me vi enlouquecida, sem saber o que fazer e como fazer. Foi difícil, mas aos poucos consegui me organizar. Só que daí veio um outro problema: a tal da autoestima, que naquela altura, estava no calcanhar. Não me sentia interessante, me olhava no espelho e não me via. Passei a não me arrumar mais porque, afinal, pra que ficar arrumada em casa se preciso fazer os trabalhos domésticos? Já não sentia nem mais orgulho de mim mesma...

Antes de me casar, eu era super vaidosa, adorava me cuidar – cremes para pernas, braços, rosto. E os cabelos então? Passava horas me arrumando. Aliás, meu marido me conheceu sendo assim e agora eu era uma sombra naquela casa cuidando de filha pequena e me comportando como uma doméstica.

E nessas horas todos dão as mais diferentes (e absurdas) opiniões sobre o que deveria fazer da vida. Mas nem eu sabia o que fazer!! Uns diziam que eu tinha que voltar a trabalhar, outros, que eu estava certa cuidar da família. Mas ninguém falava que eu precisava era cuidar de mim.
Precisei passar por umas crises pessoais danadas para colocar na minha cabeça que era necessário cuidar mais de mim mesma e do meu casamento. Daí, quando tudo estava se ajustando, veio outra gravidez (acho que exagerei na dose da autoestima... rs).

A primeira coisa que eu pensei foi: “ai meu Deus!! Que medo!! Começarei tudo de novo...” Mas essa gravidez foi abençoada e fez me sentir mais forte e mulher novamente. E essa força toda foi crucial para muitas mudanças.

Contratei uma empregada semanal e deixei as sextas-feiras para cuidar de mim. Descobri um salão de beleza maravilhoso, que acabou virando meu divã. Lá desabafava todos os meus problemas e ouvia conselhos e dicas para voltar a ser “mulher”.

Voltava para casa feliz por tão pouco aparentemente, mas para mim, aquilo era tudo. E quando meu marido chegava, percebia em seus olhos a diferença. Foi quando seu olhar começou a brilhar novamente. Eu ainda era uma mulher interessante!! Eu ainda estava viva para meu marido e não era só a mãe das filhas dele.

E isso foi maravilhoso porque percebi que não precisava ser uma dona de casa das antigas. Poderia sim, cuidar da minha casa com um belo salto alto. Claro que lavar quintal não seria legal!!! Mas não dá mais pra deixar a Gabriela de lado.

A cada dia que eu acordo, sei que vou ter que encarar todos os meus papéis: ser a mãe que as minhas filhas vão precisar que eu seja, ser a amiga que sempre fui e a companheira que meu marido sempre conheceu.

Vejo que sou realmente importante na vida do Bob, da Sophia e Livia. Mas que eu sou importante pra mim mesma. Tem coisa melhor?

Claro que tem sim: juntar as minhas amigonas do peito e sentar numa mesa para conversar, beber e dar muita risada. Porque hoje eu me olho no espelho e me vejo como eu sou.

Ah! Como é bom voltar a ser a Gabriela novamente.


Postado por: Gabriela

4 comentários:

Andréa disse...

aê, Lindona!!!
Vc é deveras especial.
Minha inspiração máxima em "peruices".
hahahahaha
Força sempre e nunca deixe de lado a essência boa que existe dentro de vc.
Parabéns pelo depoimento.
Bjs,
Déa

Di Valente disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Di Valente disse...

Oi Ga, muito bom seu desabafo !
Porem acho que mesmo as pessoas dizendo pra vc "Gabi, vc tem que cuidar mais de vc"
Isso só aconteceria mesmo quando você percebesse o quanto isso era importante pra você.
Fiquei feliz quando te vi no aniv. da Livia, achei que vc estava MARAVILHOSA e Radiante naquele dia....Percebi sua mudança automaticamente, foi quando descobri que vc tinha dado a volta por cima.

Esta linda !

Força na peruca amiga hahahhahaa

Bjsssssss

Evelyn disse...

Que legal!
Quase chorei ao ler esse post...